Página inicial

09/04/2014 - Presidente da Acimam participa de evento na capital federal


João de Castro, presidente da Acimam - Associação Comercial e Industrial de Mamborê, participou do 1° Fórum Nacional CACB Mil, realizado nos dias 2 e 3 de abril, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília, DF. Entre os convidados estava a presidente do Brasil, Dilma Rousseff.

A CACB - Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil é um sistema empresarial composto por mais de 2.300 Associações Comerciais representadas por 27 Federações e possui interação com mais de 2,3 milhões de empresários brasileiros. A CACB possui um portfólio de produtos e serviços oferecidos em escala nacional, graças à sua capilaridade, que beneficiam os empresários e geram receita para a sustentabilidade das entidades.

É uma organização multissetorial que apoia a cooperação, o desenvolvimento e a integração das entidades empresariais que integram o Sistema CACB. Como cerca de 90% dos associados são microempresas, a entidade se volta para esses agentes da economia, responsáveis pela maior parte dos empregos gerados no Brasil.

O 1º Fórum Nacional CACB Mil promoveu a integração e o debate entre as mais de duas mil Associações Comerciais do País. A programação incluiu palestras coordenadas por especialistas, com foco no cenário político-econômico do País e do mundo.

No primeiro dia do Fórum CACB Mil, Guilherme Afif Domingos, ministro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa (SMPE), apresentou a palestra sobre o contexto econômico atual. Em seguida, houve o painel sobre Planejamento e Gestão com a presença de Luiz Barretto, diretor presidente do Sebrae, e Osmar Dias, vice-presidente de agronegócios e micro e pequenas empresas do Banco do Brasil.

Eduardo Giannetti da Fonseca, economista e professor do Insper (Instituto de Ensino e Pesquisa), ensinou aos empresários como superar, sem comprometimentos, fases de desaceleração econômica. Luiza Helena Trajano, presidente da Magazine Luiza, e Hermes Gazzola, fundador do Grupo Puras, apresentaram painel sobre empreendedorismo vitorioso.

A conferência sobre novas tecnologias abriu as atividades do dia 3 de abril, abordando “Tendências, Ameaças e Oportunidades”. Em seguida, o professor da Fundação GetulioVargas, Caio Luiz Cibella, falou sobre experiências em serviços, abordando o turismo

e a Copa do Mundo 2014. Além de estimular a integração, o Fórum identificou as ameaças à sobrevivência dos negócios no País e difundiu as boas práticas associativas.

Nesta primeira edição, a CACB - Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil reuniu mais de mil presidentes de Associações Comerciais e Federações do País. Também participaram técnicos, executivos e parceiros da CACB reunindo um público superior a 2 mil pessoas. O evento teve o apoio da Secretaria Especial da Micro e Pequena Empresa (SMPE), do Governo do Distrito Federal (GDF), e contou com o patrocínio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Banco do Brasil, Souza Cruz, Certisign, Boa Vista Serviços, e Caixa Econômica Federal.

De acordo com o presidente da CACB, José Paulo Dornelles Cairoli, os micro e pequenos empresários simbolizam uma força invisível de repercussão significativa. “Apenas no que se refere ao universo das micro e pequenas empresas, somos responsáveis por 25% do Produto Interno Bruto, pela geração de 80% de novas vagas de trabalho nos últimos 10 anos, e de 52% das carteiras assinadas”, informou. Disse ainda que, em breve, as MPEs chegarão a 13 milhões de optantes no Simples. “Somos, senhora presidenta, protagonistas de um desempenho exemplar”, defendeu.

Em seu discurso, Dilma Rousseff ressaltou a importância de se estabelecer debates para atender as demandas da classe empresarial. "Quanto mais estivermos perto da demanda, quanto mais pudermos trabalhar e discutir, melhor será a nossa agenda e as nossas realizações. Eu acredito na força do pequeno município, da micro e pequena empresa, da pequena propriedade, dessa classe empreendedora que sustenta nosso movimento. Que este Fórum seja o primeiro de muitos e que nós possamos sempre escutar, dialogar e conviver", afirmou.


Haroldo, presidente da Cacercopar - Cordenadoria das Associações Comerciais e Empresarias da Região Centro-Ocidental do Paraná; João de Castro, presidente da Acimam;Marcelo Chiroli, presidente da Acicam - Associação Comercial de Campo Mourão; e Osvaldo Menon, presidente da ACEU - Associação Comercial de Ubiratã